Astra lança 23ª Olimpíada Estudantil de Matemática

Projeto é destinado aos alunos dos nonos anos do Ensino Fundamental da rede pública e particular de ensino.

A Astra lançou, no dia 26 de março, a 23ª edição da Olimpíada Estudantil Astra de Matemática. Na ocasião, professores e coordenadores de escolas públicas e particulares de Jundiaí e região e representantes da Diretoria de Ensino local foram apresentados ao regulamento 2018 do projeto e às datas de realização das provas.

Segundo Ana Oliva, presidente do Conselho Administrativo da Astra, a realização das olimpíadas traz benefícios para a sociedade como um todo. “Os estudantes têm uma oportunidade de se destacarem pelo seu mérito. Os educadores ganham “combustível” para estimular os alunos a enxergarem o que a matemática e o raciocínio lógico podem fazer por eles. E, acima de tudo, este projeto oferece igualdade de oportunidades, traz motivação para os estudos e prepara adultos mais inteligentes e críticos”, destacou a empresária.

Ana Oliva, presidente do Conselho Administrativo da Astra, durante cerimônia.

Podem participar da Olimpíada Estudantil Astra de Matemática alunos das cidades de Jundiaí, Várzea Paulista, Campo Limpo Paulista, Jarinu, Itatiba, Itupeva e Louveira, que estejam cursando o 9º ano do Ensino Fundamental em escolas da rede estadual, municipal ou particular. As inscrições para a primeira fase da olimpíada começam no dia 27 de março e devem ser feitas pelos diretores das escolas até 27 de abril.

Dividida em duas fases, o projeto dá a oportunidade de todos os classificados para a segunda etapa participarem do processo seletivo, podendo ingressar nas empresas do Grupo Astra como aprendizes ou já no quadro de colaboradores efetivos, para os setores administrativos  ou de acabamento de produtos. Atualmente, 44 ex-participantes do projeto trabalham em empresas do grupo.

Premiação

A premiação é dividida entre escolas públicas e particulares. Os dois primeiros colocados de ambas as modalidades receberão um notebook e uma impressora multifuncional. Suas escolas de origem ganharão um computador e uma impressora cada.

Neste ano, houve uma mudança na premiação para os classificados do 3º ao 10º lugares. Os alunos das escolas públicas e privadas que obtiverem essas colocações ganharão um tablet cada. Antes, os estudantes recebiam uma calculadora científica.

Vale ressaltar que todos os concorrentes da 2ª fase receberão um brinde e um certificado de participação.

O regulamento, provas anteriores para consulta e outras informações sobre o projeto estão disponíveis no site www.olimpiadaastradematematica.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *